RSS

TABERNÁCULOS

06 set

A FESTA ANUAL DOS TABERNÁCULOS

“Fala aos filhos de Israel, dizendo: Aos quinze dias deste mês sétimo será a Festa dos Tabernáculos ao Senhor por sete dias” (Lv. 23.34).

1. O ASPECTO HISTÓRICO
1) No aspecto histórico da Festa dos Tabernáculos, tendas ou cabanas – feitas com ramos de árvores eram montadas ao ar livre. Isto era um lembrete para Israel nos dias em que habitavam em tendas no deserto. Esta Festa é também chamada de Festa da Colheita (Ex 23.16). Realizava-se em Outubro, depois que toda a colheita havia sido feita. Era o Festival da Colheita. Jesus disse: “a colheita é o fim dos tempos” (Mt. 13.39).
2) Isto demonstra claramente que Tabernáculos representa o cumprimento ou grande conclusão – que Deus planeja para a história da humanidade como a conhecemos. O aspecto profético desta Festa será com certeza quando Jesus Cristo voltar para estabelecer o Seu Reino de uma forma visível.
3) Deverá ser um tempo em que haverá um grande regozijo – porque a colheita já terá sido feita com êxito. Jesus nos ensina muito a este respeito em Suas parábolas, principalmente em Mateus 13. 36-52. É emocionante sabermos que o final dos tempos será uma colheita, e não uma resistência ao inimigo num buraco sem saída, ou uma desesperada missão de salvamento. A colheita retrata Deus movendo-se na hora certa, quando há uma grande frutificação e abundância. O Apocalipse descreve esta colheita como sendo a época em que a Noiva já terá se aprontado (Ap 21.2).

2. O ASPECTO PROFÉTICO
1) Em Neemias capítulo 8, há uma narrativa da celebração de Tabernáculos – Encontraram escrito na Lei que deveriam celebrar Tabernáculos com ramos de árvores. Estas árvores são mencionadas em Isaías 61.3 como árvores de justiça. Há muitos tipos diferentes de árvores envolvidas aqui. Talvez isto nos retrate as muitas denominações diferentes sendo representadas em Tabernáculos.
2) O fenômeno moderno das reuniões de conferências de renovação do Espírito Santo – muitas vezes libera este espírito de Tabernáculos. Muitos líderes de Igrejas locais não se acham capazes de se identificarem com elas. Mas não podemos impedir que aconteçam. São uma parte do que Deus está fazendo. Estão fornecendo comida e libertação a muitas vidas famintas.
3) É quase impossível manter-se as ovelhas fora de um campo cheio de grama verde – Se as pessoas não estiverem recebendo comida espiritual para suas vidas, saiba que, com certeza, irão para onde possam recebê-la. Muitos estão tão famintos pela Palavra de Deus que viajam centenas de quilômetros para uma celebração de Tabernáculos. Creio que haverá uma confirmação autêntica destas reuniões. Neemias 8.10 enfatiza uma palavra profética durante aquela Festa de Tabernáculos. Diz para “enviarmos porções aos que não têm nada preparado para si”. Esta comissão é parte do espírito de Tabernáculos. Deus diz: “Não se regozijem somente. Levem a bênção e a mensagem da liberdade em Jesus Cristo para todo o mundo”. Tabernáculos comunica este generoso sentimento de responsabilidade e cuidado para com os outros, o qual é realmente parte do Espírito de Jesus.

3. O ASPECTO EXPERIMENTAL
1) O aspecto experimental da Festa dos Tabernáculos pode ser experimentado agora – antes da segunda vinda de Jesus Cristo. Já vi algumas vezes em que Deus Se moveu de forma semelhante ao espírito da Festa dos Tabernáculos. Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o Seu povo, e o Próprio Deus estará com eles, e será o seu Deus” (Ap 21.3). Preenchendo tudo, de todas as maneiras possíveis (Ef 1.23).
Tabernáculos é a tremenda e hilariante presença do Próprio Deus no meio do Seu povo. Sua presença era tão grande que as escravidões e amarras simplesmente se desmancharam. Havia uma liberdade poderosa, porém, com uma ordem linda. Num canto, 50 pessoas, com seus braços ao redor dos outros, estavam dançando. Num outro lado, um grupo de pessoas estava chorando e se abraçando. O amor de Deus podia conquistar qualquer coisa. Todas as divisões feitas pelo ser humano não podiam resistir a esta presença de Deus.
2) Três aspectos posteriores caracterizaram este reavivamento – primeiro foi o tremendo amor de Jesus. O segundo foi a convicção de que Jesus é verdadeiramente o Senhor. O terceiro foi o conceito de que o Senhor está edificando somente uma Igreja. A Igreja está se reunindo em centenas de congregações, com todos os tipos de nomes, mas, na realidade, há apenas uma Igreja, e o Próprio Jesus é o construtor. Por causa disto, a liderança em Buenos Aires submeteu-se à admoestação de Deus de unir-se em amor e comunhão numa base não-denominacional. Um grupo de batistas, por exemplo, passaria a reunir-se com um grupo de pentecostais e presbiterianos para adorarem juntos, e assim por diante.
3) Tabernáculos é uma ocasião e uma experiência de grande regozijo É preciso que tomemos cuidado ao criticarmos as emoções, e que as julguemos corretamente. O verdadeiro regozijo em Deus e livre e exuberante. Há gritos de alegria, danças e risos. Lembremo-nos da entrada triunfal de Cristo e da alegria espontânea e do louvor ruidoso do povo.
4) Tabernáculos acontece em habitações temporárias – Em todo o mundo, as pessoas estão se reunindo temporariamente, como em conferências de renovação. Parece que há uma liberdade maior para os santos, fora das paredes de suas igrejas em muitos lugares. Muitos santos precisam ir a uma convenção ou conferência onde possam celebrar a grandeza do seu Deus. Esta celebração livre acontece muito facilmente nestas conferências curtas. Parece que é mais fácil sermos mais libertos nelas do que na atmosfera mais conservadora da Igreja local.

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 06/09/2008 em FESTAS BÍBLICAS

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: